Agora é que são elas no mundo digital

Out 21, 2020

Ao longo dos anos as mulheres vêm ganhando mais espaço na sociedade e mudando o curso da história, graças às suas lutas e conquistas. Por buscar entender e conhecer melhor os seus usuários, o marketing digital vem sendo um forte aliado nesta nova rota, tendo papel fundamental na mudança de comportamentos na sociedade com relação ao universo feminino.

De acordo com uma pesquisa feita pela agência J. Walter Thompson, em 61% dos lares brasileiros, a mulher é a grande responsável pela decisão de compra, desde artigos pessoais a compras domésticas. O mercado passou a compreender o recado de que os desejos das mulheres não são um capricho, mas sim uma necessidade.

Diante disso, a necessidade de criar estratégias de marketing voltadas para as mulheres tornou-se urgente, afinal de contas elas querem e precisam ser representadas. Mas, quais são as maneiras corretas de atender o mercado feminino?

Bom, você precisa entender que está buscando a conexão com um público bem específico. Sendo assim, procure saber o que as mulheres esperam de sua marca, para que vocês tenham um bom diálogo. Não caia no lugar comum de achar que as mulheres são todas iguais. Faça a diferença e busque entender quais são os gostos, interesses e vontades dessas mulheres. O uso de generalizações e estereótipos contam de forma muito negativa para a imagem de sua marca. Sendo assim, ao invés de rótulos, busque destacar as qualidades, as conquistas das mulheres e não julgar os seus comportamentos.

Uma ferramenta boa, que pode te ajudar muito positivamente em suas campanhas são as redes sociais. De acordo com pesquisas, 56% dos usuários de redes sociais são mulheres, 86% delas agora utilizam redes sociais antes de comprar e 72% utilizam a sua rede social pelo menos 1 vez ao dia. Então, use esse canal para conversar e conquistar a clientela feminina, mas lembre-se sempre do poder dele. O engajamento das pessoas com as marcas está diretamente relacionado às mensagens que elas divulgam, por isso esteja atento para quaisquer deslizes, eles podem colocar em risco a credibilidade do negócio.

Enquanto a prática ajuda, outra atrapalha, o Pink Tax. O Pink Tax acontece quando produtos feitos especialmente para “mulheres” custam mais caro que os produtos direcionados ao público masculino.

Um exemplo disso foi o lançamento, em 2012, da “Bic for her”, uma caneta supostamente planejada para se adaptar às mãos femininas. A repercussão negativa do caso foi tamanha que a empresa retirou o produto das lojas.

As mulheres estão atentas e percebem quando algum produto ou serviço está mais caro justamente por ser direcionado ao público feminino.

Dicas para mergulhar de cabeça no universo das mulheres:

·         O público feminino está em constante busca por novidades.

·         Representa uma porcentagem significativa no mercado de trabalho.

·         O mercado consumidor foi ocupado por mulheres com média de 50 anos.

·         São detalhistas e usam plataformas como redes sociais, e-mails, mensagens de celular.

·         Tem maior tendência em ser fiel às mesmas empresas, por outro lado, demoram a escolher qual produto consumir.

·         Pesquisam muito antes de fechar o negócio, conversam sobre a marca. Além de buscarem opiniões da família, amigos e estão mais abertas a receber auxílio dos outros.

·         São influenciadoras

·         A participação das mulheres no mercado é cada vez maior.

O que os gestores de marketing digital devem ter em mente, é que ao traçar ações de marketing para mulheres, o respeito, a igualdade e a empatia estejam em primeiro lugar. Tendo esses pontos como base, sua campanha será um sucesso garantido. Você gostou do nosso conteúdo? Então, acompanhe nosso Blog e fique por dentro das novidades. Aqui na SmartEnvios, você encontra os melhores serviços, o melhor envio e as melhores informações.

Great! You've successfully subscribed.
Great! Next, complete checkout for full access.
Welcome back! You've successfully signed in.
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.